O VÍRUS e a DEMOCRACIA

Por Giuseppe Cocco, Cientista Político (UFRJ).

Por uma série de razões, muita gente (autoridades, filósofos, ativistas – de direita ou de esquerda) decidiram zombar do vírus, dizer que não é grave, alguma coisa como uma gripe. A razão mais nobre é de não espalhar o pânico, mas depois tem um monte interminável de besteiras, entre as quais essa que só “os velhos tem problemas”.

A Itália inteira parou e vai parar ainda mais, Alemanha e França estão no mesmo caminho. A região italiana onde tudo começou (Lombardia – Milão ) não é apenas a mais rica da Itália, mas uma das mais ricas do mundo e tem um excelente sistema de saúde pública que hoje está colapsado …

O virus leva MUITA GENTE contagiada a ter que ter curas intensivas (respiração assistida) e, claro, pega os mais idosos, mas não apenas, também muito JOVENS …. ao ponto de os governos preferirem fechar o país para manter uma biopolítica de proteção da vida.

Escutem essa médica do hospital de Bergamo que convida todo o mundo a ficar em casa …No Brasil o sistema de saúde vive colapsado: é preciso de uma preparação de urgência, uma verdadeira mobilização democrática. O Virus é democrático, pega todo o mundo, não respeita fronteiras nem as segregações sociais.

Leave a Reply